Governo do Ceará

Telefones úteis

Rede Social

  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
  • photos/123957969@N07/sets/
  • seduc_ceara
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

Histórico

A criação dos 21 Centros Regionais de Desenvolvimento da Educação – CREDE, foi oficializada pelo Decreto Nº 24274 em 22 de novembro de 1996, integrando assim, a estrutura da Secretaria da Educação Básica - SEDUC. Hoje já contamos com 20 CREDE.


O CREDE 13 faz sua história, graças ao trabalho desenvolvido por uma equipe que usa a criatividade, como ponto de partida, para alcançar índices consideráveis de sucesso na área educacional de 11 Municípios jurisdicionados a uma Região de gente comprometida, competente e interessada em fazer sempre melhor.


A receita está no trabalho coletivo, principalmente quando contamos com importantes parceiros, que unidos dizem sim ao convite estabelecido por quem compreende, de fato, a real necessidade de se educar com responsabilidades.


De novembro de 1996 até julho de 2001 teve como Diretora Regional a Professora Umbelina Simone Chaves Fernandes. professora por vocação, que deixou registrado no seu currículo profissional uma trajetória de amor e dedicação.


A frente do Centro Regional de Desenvolvimento da Educação - CREDE 13, Crateús, Simone trouxe à Região de 11 Municípios, inovações e modernização. Com eficiência, conseguiu fortalecer os laços de compromissos com os Núcleos Gestores e Professores das 27 Escolas Estaduais, assim como articular-se com as Secretarias Municipais em parcerias que trouxeram vínculos de participações efetiva, afetiva e desenvolvimento no processo ensino/aprendizagem..


Fazendo valer o seu entusiasmo em todas as suas ações, Simone conseguiu nos transmitir alegria com lições de sabedoria e determinação.

Quem conhece sua história, pode falar de perto sobre essa mulher de fibra, pois sabemos que sua luz, ainda hoje, brilha no cenário educacional cearense.


Em setembro de 2001 assume a direção desta instituição o Professor José Cavalcante Arnaud, que com dinamismo e competência vem implementando um novo trabalho sem deixar de dar continuidade as ações iniciadas na gestão anterior.


Com uma visão de futuro e com uma proposta de Gestão Democrática o CREDE 13 hoje conta com o trabalho totalmente informatizado, um ambiente favorável ao exercício das atividades funcionais o que proporciona melhor acolhimento aos que buscam seus serviço, estrutura física melhorada, o que tem contribuído para facilitar o desempenho da equipe possibilitando melhor atendimento dos que precisam de seus serviços.


Em pouco tempo as inovações foram sentidas, e em todos os ângulos.


Uma das primeiras inovações, foi a implantação do cartão eletrônico do BEC para professores de caráter temporário, acabando o sufoco de filas homéricas na hora do pagamento, e reduzindo os gastos com deslocamento desses professores para receberem seus salários. Reconhecendo os méritos dos professores temporários, que prestam relevantes serviços à Educação, e que recebiam costumeiramente com atraso


Um outro desafio de grande importância foi o processo sucessório para diretores das escolas públicas. O desafio foi prontamente cumprido, e gerenciado pelo CREDE 13 com muito zelo e competência, aconteceu a eleição sem registro de problemas graves.



A estrutura física foi adaptada para dar uma maior interação entre os setores, e um novo ritmo de trabalho foi colocado em prática, com mais agilidade e melhor atendimento ao público.


Visando uma melhor condição de trabalho para os servidores do CREDE, Arnaud implantou um sistema de transporte, onde os funcionários eram conduzidos com conforto e segurança para o seu local e trabalho, sem ônus financeiro para os mesmos.


Com a criação do site do CREDE, que é www.crede13.seduc.ce.gov.br, ficou fácil em qualquer parte do mundo, ficar informado sobre o que está sendo desenvolvido neste órgão. Essa página contém todas as informações, serviços e orientações para pessoas interessadas.


Hoje é comum a existência de parcerias do CREDE com as Prefeituras e outros segmentos da sociedade. O auditório, o NTE e as dependências do órgão, são costumeiramente usadas pelas mais diversas entidades representativas não só de Crateús, como também de toda região, numa perfeita sintonia para o bem comum de todos.


Entre as muitas conquistas obtidas até agora, pela nova direção do CREDE 13, está o entrosamento e a integração entre os que formam sua equipe. Para tanto são realizados encontros, treinamentos, celebrações e momentos de entretenimento e lazer, envolvendo também os familiares.


Muita coisa mudou, muitas conquistas foram conseguidas, mas ainda faltam outras, para que tenhamos um CREDE 13 realmente pronto para atender bem todos que de seus serviços necessitem e que seja acima de tudo uma mola propulsora da “ Educação de Qualidade para Todos”.


Assim, analisando qualitativamente e quantitativamente todos os aspectos inerentes a Educação já implementados pela SEDUC/CE, constata-se que a Região 13 tem conquistado seu espaço de realização com um grande numero de avanços sem perder de vista as dificuldades que carecem de uma atenção específica para que sejam superadas.


Com a saída do professor José Cavalcante Arnaud, em julho de 2002, a professora Maria Cleide de Almeida Machado, assumiu a direção do CREDE até o final de 2003 aguardando a chegada da nova diretora. Feita a seleção foi escolhida a professora Maria Moura Chaves, mais conhecida por Áurea, que assumiu em julho de 2004.

Em sua gestão sempre procurou buscar melhorias para as escolas, preocupou-se também com a formação dos professores. Para sua alegria, surge a implantação dos Centros de Formação nas CREDES, tal fato, muito contribuiu para o desenvolvimento dessa ação e conseguiu atingir um número bem significativo de formações para professores dentro das várias áreas do conhecimento.


Maria Moura Chaves finalizou sua gestão no início do ano de 2007. A professora Dirce Maria Marques de Matos assumiu o CREDE enquanto acontecia o processo de seleção dos novos coordenadores.


Somente em junho de 2007, sai a decisão de quem assumirá a Coordenadoria Regional da Educação, sendo escolhido o professor Márcio Pereira de Brito para o cargo de coordenador da 13ª CREDE que permanece até hoje.

Dentro dessa nova gestão houve uma mudança na estrutura organizacional da instituição, em vez de Centro Regional de Desenvolvimento da Educação, tornou-se uma Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação, ou seja, 13ª CREDE, com novos núcleos, dentre eles, um que faz articulação de forma mais direta com as SMEs, no caso, o NRCOM (Núcleo Regional de Articulação com o Municípios); o NRDES (Núcleo Regional de Desenvolvimento da Escola) e NRAF (Núcleo Regional de Articulação Financeiro).


Tais estruturas organizacionais têm funções específicas, porém fazem um trabalho de forma integrada para assim atingirem os objetivos de uma educação de qualidade na regional, desenvolvendo ações como:

  • coordenar a implementação das políticas públicas e diretrizes educacionais na sua jurisdição, assegurando a articulação da rede de ensino voltadas para a expansão e melhoria do Ensino Médio comprometidas com o desenvolvimento social inclusivo e a formação cidadã;
  • fortalecer as ações compartilhadas entre Estado e Municípios visando integração da rede pública de ensino e a gestão efetiva das ações estratégicas para seu funcionamento;
  • assessorar as unidades escolares da rede pública estadual na elaboração, acompanhamento, monitoramento e avaliação dos planos pedagógicos de gestão para o desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem;
  • desenvolver mecanismos de acompanhamento e monitoramento da gestão escolar, implantando estratégias que assegurem a modernização e melhoria dos serviços educacionais.

Calendário

Março 2021
D S T Q Q S S
28 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3

CREDE 13 - Crateús - BR 226, km 3 - Bairro dos Venâncios, Crateús/Ce - Fone: (88) 3691.5980

© 2008 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados